O açúcar é um veneno a longo prazo

Os cientistas dizem que o açúcar é um veneno, e que sua comercialização deveria ser controlada tanto quanto a venda de cigarros e álcool.
Fatos e números: cientistas dos EUA acreditam que o açúcar de alguma forma contribui para 35 milhões de mortes em todo o mundo a cada ano. Provoca doenças como obesidade, doenças cardíacas e câncer de fígado, alterações no metabolismo, aumento da pressão arterial e desestabiliza os níveis hormonais.

O açúcar é encontrado em quase tudo o que comemos todos os dias

No documento intitulado “A verdade tóxica sobre o açúcar”, publicado na revista Nature, um especialista em obesidade infantil, Robert Lustig, afirma que o problema ocupa o primeiro lugar nos EUA atualmente e não pode ser comparado à questão da desnutrição no mundo – a escala da obesidade é muito mais global.

O açúcar é encontrado em quase tudo o que comemos todos os dias. Como o álcool, é um produto que está disponível – e tóxico. E tal como acontece com as bebidas alcóolicas, muitas vezes é usado sem nenhum limite. Lustig acredita que já passou da hora de ensinarmos as crianças sobre os benefícios de uma dieta saudável e exercícios e os perigos do açúcar.

Agora é o momento de tributar o produto e limitar as vendas. O cientista e seus colegas recomendam que o problema seja abordado a nível federal, como ocorre com o álcool e o cigarro. O governo poderia duplicar o imposto sobre os refrigerantes açucarados e limitar sua venda a menores de 18 anos e endurecer as regras para a colocação de máquinas de venda automática de doces e refrigerantes nas escolas.

O consumo de açúcar no mundo triplicou nos últimos 50 anos. É o momento de assumir as rédeas do problema pelo bem da saúde mundial.

Deixar um comentário